O primeiro test drive a gente não esquece

FENEAUTO-Manifesto-09

É comum ouvirmos relatos em autoescolas dando conta que os alunos recém-formados desejam comprar um veículo similar ao que tiveram suas aulas práticas. Isso parece ser natural, até mesmo na minha autoescola, ao realizarmos a avaliação de nossos serviços prestados nos deparamos com a seguinte afirmação ao perguntamos sobre o veículo utilizado nas aulas praticas:
“Estou apaixonada pelo carro que dirigi, acho que vou comprar um, é uma delícia”. Exemplos como esse não faltam, afinal o momento de obter a tão sonhada Carteira Nacional de Habilitação (CNH), que é uma transição importante para o cidadão e o carro no qual ele pratica suas aulas também é um test drive.
A legislação brasileira, desde 1998, tornou obrigatória que todo cidadão brasileiro, para a obtenção da CNH, deve cumprir uma carga horária de 45 horas/ aula teórico técnica e 20 horas/aula de pratica de direção veicular. A partir de julho de 2013 teremos um acréscimo cinco horas/aula no simulador de direção. Portando, em tese, o primeiro contato com um veículo automotor deve ser em um veículo da autoescola.
Diferentemente do test drive promocional feito nas concessionárias, o test drive da autoescola é obrigatório, ou seja, o aluno tem que passar por 20 horas/aula, Nesse período receberá todas as orientações e informações. O aluno aprenderá desde a postura ao sentar no veículo, regulagem de banco e espelhos, uso dos comandos, leitura das informações no painel e muito mais. Nesse processo ele também presencia e participa efetivamente da funcionalidade de um veículo. Vivenciar essa esta experiência, e por que não dizer, este sonho de dirigir é muito diferente de todo o ensinamento do curso teórico e das aulas pré praticas feitas no simulador de direção.
Oportunidade
Infelizmente os fabricantes de veículos não tiveram essa percepção, talvez pelo fato do ritmo acelerado das vendas e do crescimento no Brasil, a maior preocupação seja o resultado imediato, uma busca na superação de todos os números e recordes de vendas não tenham tido olhares para este outro nicho de mercado. Afinal estamos falando de 11.450 autoescolas no Brasil que mantém uma frota superior 65 mil veículos em constante renovação.
O departamento de marketing dos fabricantes poderia explorar uma grande ação de fidelização da marca e, principalmente, de construir uma experiência positiva e de sucesso com a obtenção da Carteira Nacional de Habilitação. Pois como o exemplo citado no começo desse artigo, não tenho dúvidas que minha cliente e aluna comprou um veiculo igual ao da autoescola, com o qual fez seu primeiro test drive!!!

Magnelson Carlos de Souza
Presidente da FENEAUTO
Março/2013

Anúncios

Envie um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s